Beethoven, o grande compositor e musicista

O termo música clássica se refere a música erudita ocidental, e quando lembramos de música clássica o nome Beethoven é sempre lembrado. Apesar de muitas vezes essa expressão música clássica carregar um tom um tanto elitista, as composições de muitos músicos ditos clássicos são melodias muito conhecidas, sendo usado em muitos filmes e até mesmo em toques de celular. A concepção de música clássica que temos também remete ao grande músico, Beethoven.

O período clássico se refere ao período entre o barroco e o romantismo. Nessa época clássica o instrumento musical cravo foi substituído pelo piano. O cravo também é conhecido pelo nome de harpsichord.

Instrumento musical cravo.

No século XVIII (1701-1800) o estilo artístico na Europa após o Barroco foi o Classicismo(retorno aos clássicos da Grécia Antiga), a música se insere neste contexto também. A música clássica utiliza técnicas musicais muito desenvolvidas e com um alto grau de organização formal, a textura musical é homofônica com uma melodia clara que contrasta com o exagero da música barroca.

No período clássico constitui-se e frases com figuras e ritmos melódicos contrastantes. A música se desenvolveu na forma de sonata.

Apesar de ser um contrassenso, a música erudita influenciou muito a música dita popular.

Beethoven

Ludwig van Beethoven, mais conhecido como somente Beethoven, foi um músico e compositor alemão. O músico foi um grande compositor de música clássica mas tem pessoas que o colocam como inclassificável. Ele nasceu em 1770 e morreu no ano de 1827.

O pai de Ludwig, Johann van Beethoven foi músico e tenor na Corte eleitoral, porém ele era um homem conhecido como uma pessoa cruel e alcóolatra. O seu pai ficou sabendo da fama de outro prodígio musical, Wolfgang Amadeus Mozart, e quando Beethoven tinha 5 anos de idade tentou iniciar o filho na carreira musical, porém seu método era considerado brutal e ineficaz.

Beethoven criança. (wikipedia)

Então Beethoven se torna aluno de Christian Gottlob Neefe e sob a tutela dele compôs As Variações para teclado em marcha de Ernst Christoph Dressler ou WoO 63. Beetohoven se torna organista assistente de Max-Franz.

O músico é notado pelo conde Ferdinand von Waldstein que leva Beethoven a vários lugares para mostrar seu talento como músico. Em 1787 o jovem Beethoven se encontra em Viena com o Wolfgang Amadeus Mozart.

Beethoven se muda para Vienna que era considerada a capital da música, e o músico começa a aprender com Joseph Haydn, mas devido ao brilhantismo de Beethoven, os dois tem alguns atritos em relação à música. No ano de 1794 Haydn vai pra Londres e Beethoven continua seu aprendizado na música com outros professores. Em 1795 dá seu primeiro concerto público e logo depois publica Piano Trios, Op. 1, dedicando essas obras a pessoas como o príncipe Joseph Franz Lobkowitz, por exemplo.

Beethoven começa a apresentar os primeiros sintomas da surdez no ano de 1802, sua surdez se torna máxima em 1820. Apesar de sentir os zumbidos no ouvido Beethoven procurou esconder o problema que estava passando num primeiro momento, com medo de não poder compor e se apresentar como um pianista. A terceira sinfonia começa a ser composta em 1803-1804 que estreou publicamente em 1805. Nessa época Beethoven começa a se interessar também pela ópera.

Ele compôs em 1805 uma ópera chamada de Fidelio, que infelizmente foi um fracasso. Porém nos anos seguintes ele compõe diversas obras, entre elas está a quarta sinfonia. O músico conseguia viver do seu trabalho que era a composição e a apresentação de concertos.

Beethoven continuava a compor mas os acontecimentos da guerra ocorrida em 1809 entre a Áustria e a França afetaram a vida do músico profundamente. Sua surdez aumentava com o passar do tempo, o músico ainda conseguiu compor diversas obras e até mesmo a sua Nona Sinfonia e mais diversos quartetos.

Beethoven em 1823. (wikipedia)

Beethoven morre em 1827 e deixa um grande legado musical, ele está entre os grandes nomes da música clássica.

4 comentários em “Beethoven, o grande compositor e musicista

  1. Parabéns pelo post! Beethoven realmente foi um cara diferenciado. De fato, já li de vários especialistas que Beethoven transitou por três movimentos ao longo de sua carreira, o barroco, o clássico e o romântico. Isso é fora de série. O cara era um monstro!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.