Histórias e curiosidades sobre o Natal

O Natal é uma das mais importantes datas do ano. Como todos sabem, ele é comemorado no dia 25 de dezembro, e nesse dia também se comemora o nascimento de Jesus Cristo, as crianças acreditam que o Papai Noel deixa presentes embaixo da árvore e nos reunimos em família para a ceia de Natal .

Veja algumas curiosidades sobre o Natal.

Por que o Natal é no dia 25 de dezembro?

Originalmente o Natal, na verdade era, uma data em que se comemorava o solstício de inverno (no Hemisfério Norte). O solstício acontece no dia 21 de dezembro. Essa festa no solstício era chamada de Saturnália.

Na época do Império Romano também havia uma festa chamada Dies Natalis Solis Invicti (Dia do nascimento do sol invicto), o Sol invicto era uma divindade dos romanos e após o solstício também se comemorava o nascimento de Mitra, outra divindade romana. O imperador Aureliano quis unir essas duas festividades em um dia só e escolheu o dia 25 de dezembro.

Sol Invicto

Com a ascensão do cristianismo procurou-se ressignificar essa data pagã e transformá-la num dia cristão. A primeira vez que o dia 25 de dezembro é associado ao nascimento de Jesus Cristo aparece em 336 d.C época em que o imperador Constantino governava o Império, Constantino foi o imperador que se converteu ao cristianismo.

De onde veio a tradição das árvores de Natal?

Era um costume antigo decorar as casas com ramos verdes no solstício de inverno, isso fazia lembrar a vegetação verde que surge no verão e também representava a vida eterna. Os antigos romanos decoravam os templos com pinheiros no festival da Saturnália.

Alguns acreditam que o costume de decorar árvores surgiu na Alemanha, e que o primeiro a levar um pinheiro e decorar com velas foi Martinho Lutero. As pessoas também usavam maçãs para decorar as árvores.

No Reino Unido, em 1846, uma ilustração feita da rainha Vitória e o príncipe Albert e uma árvore de Natal, tornou popular o uso dessas árvores bem decoradas.

No século XIX, o costume de usar árvores de Natal se espalhou pelo mundo.

E o Papai Noel?

A lenda do Papai Noel pode ser rastreada até um monge chamado São Nicolau. De acordo com a história ele seria um homem muito rico, herdeiro de uma fortuna, que passou a vida ajudando pessoas pobres e doentes.

São Nicolau

Na Renascença São Nicolau era o santo mais popular de toda a Europa, principalmente na Holanda. Um jornal de Nova Iorque, em 1776, noticiou que famílias de holandeses homenageavam o aniversário da morte de São Nicolau. Então a imprensa americana usou a imagem de São Nicolau como um representante do Natal.

Na Inglaterra havia uma personificação do Natal conhecida como Pai Natal (Christmas Father) que surgiu no século XVI(1601-1700) no período do reinado de Henrique VIII. O Pai Natal foi retratado na época como um homem grande e gordo usando um grande manto verde.

Nos Estados Unidos um poema infantil ilustrado intitulado “Old Santeclaus with Much Delight” foi publicado no ano de 1821 em Nova Iorque e trazia uma ilustração que daria origem a imagem do Papai Noel num trenó puxado por renas.

Em holandês São Nicolau é pronunciado como SinterKlaas, esse nome dá origem ao Santa Klaus(Papai Noel) nos Estados Unidos.

Essa fusão do Pai Natal e o São Nicolau dá origem ao Papai Noel na versão que conhecemos hoje. A imagem do Papai Noel que se popularizou pelo mundo foi criada nos Estados Unidos após a publicação de livros, poemas e ilustrações do “Santa”.

No século XIX e XX, a imagem do Papai Noel foi utilizada pelo comércio para alavancar as vendas de Natal.

Referências:

https://www.history.com/topics/christmas/santa-claus

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.