Mosaicos de Delos, um registro milenar

A arte de fazer mosaico é antiga, milenar, diversas culturas já produziram esse tipo de arte. Os mosaicos são mais fáceis de ficarem preservados com o tempo, diferente da pintura de mural que se deteriora rápido, por causa do material utilizado, a localização da pintura. Muitas culturas antigas podem ser conhecidas por causa dos mosaicos que fizeram.

Os mosaicos são feitos de pedaços de pedra que podem ser de diferentes materiais como cerâmica, vidro e etc. Esses pequenos fragmentos de pedra que compõem o mosaico é chamado de tessela. Os gregos e romanos antigos utilizavam o mosaico em sua arte. Um sítio arqueológico importante da arte grega antiga são os mosaicos de Delos. Na imagem abaixo estão uma das seções dos mosaicos encontrados nesse sítio arqueológico:

Mosaico de Delos, o deus Dionísio cavalgando um tigre.

O mosaico da imagem acima representa o deus Dionísio cavalgando num tigre. Nas partes mais preservadas dessa obra de arte vemos que os gregos antigos buscavam retratar imagens mais realistas do que simbólicas, como as encontradas nos mosaicos bizantinos. Essa imagem do mosaico é datada do século II a.C, do período helenístico. O detalhe abaixo mostra o rosto de Dionisio.

Detalhe do rosto do deus Dionísio.

Os gregos antigos representavam cenas mitológicas em seus mosaicos, algo que a cultura romana antiga incorporou. Existem dois tipos de técnicas, a Opus tessellatum, que utiliza tesselas grandes, com mais de 4 mm, e a Opus vermiculatum, uma técnica que faz contornos nas figuras para destacar as imagens, geralmente eram usadas tesselas minúsculas para criar esse efeito.

Além dos temas mitológicos, os mosaicos eram usados para decorar paredes, teto e o chão. Os padrões de mosaicos colocados no chão geralmente utilizava formas geométricas e repetidas, esse tipo de mosaico contém partes bem mais preservadas que o resto.

Mosaico de Delos, padrões cúbicos.

As cenas retratadas nos mosaicos gregos encontrados em Delos, datados do período helenístico, mostram muito detalhe e realismo. Além das imagens mitológicas e padrões geométricos, os gregos também retrataram imagens da natureza como as flores:

Mosaico de Delos, formato de flor.

Como vemos na imagem acima, os gregos utilizavam tesselas pequenas para poder mostrar detalhes na figura do mosaico que criaram.

Existem outras cenas mitológicas nesse sítio arqueológico de Delos, uma delas é a representação do Rei Licurgo da Trácia matando Ambrosia:

Rei Licurgo matando Ambrósia.

Na mitologia o Rei da Trácia fica enlouquecido por Dionísio, um personagem que era inimigo do rei, e acaba assassinando a própria esposa, Ambrósia, que era mãe do deus Dionísio, seu filho fez isso por causa de uma suposta traição de sua mãe. A imagem que retrata essa cena mostra uma cena realista, o rei Licurgo tem a expressão facial de alguém louco e furioso, e Ambrósia aparece se defendendo, aterrorizada.

A escavação do sítio arqueológico de Delos começou no século XIX. A ilha de Delos era muito povoada no período helenístico, mas a mudança do eixo comercial, principalmente na época romana, o lugar havia sido atacado antes disso. As escavações dessa ilha revelaram muitas casas e edifícios públicos. Os mosaicos encontrados nas residências da Grécia antiga se encontram nos pisos dessas casas. Esses mosaicos apresentam padrões geométricos simples na maioria dessas residências.

O sítio arqueológico está dividido em bairros. No bairro norte se encontram os mosaicos mais elaborados que mostram cenas mitológicas como a imagem anterior que mostra o Rei Licurgo matando Ambrósia. Também encontramos nesse bairro um mosaico que mostra a imagem de uma máscara teatral grega:

Mosaico de máscara de teatro grega.

A imagem retratada acima, de uma máscara teatral, pertence à uma residência mais antiga, datando do período de II a.C.

Uma outra cena mitológica encontrada no bairro norte é a representação de Hermes e Atenas.

Mosaico de Hermes e Atenas.

Esses mosaicos encontrados no bairro norte apresentam padrões mais elaborados. No bairro do teatro os mosaicos que restaram estão no chão das residências e apresentam padrões geométricos, como podemos ver na imagem abaixo:

Mosaico no chão de padrão geométrico.

O mosaico acima está localizado nas ruínas de uma residência, o nome dado a essa seção da escavação se deve à uma característica das casas encontradas nesse local, que apresentam um local aberto sem a existência de pórticos.

A casa de Dionísio é o local onde foi encontrado o mosaico do deus Dionísio cavalgando um tigre, esse edifício é o mais elaborado dos encontrados em Delos. A residência contém colunas, um piso de mosaico com padrões geométricos:

Casa de Dionísio, Delos.

As tesselas utilizadas para fazer o mosaico do deus Dionísio são minusculas, com cerca de 1 mm, por isso a imagem montada nesse mosaico apresenta tantos detalhes, como aparece nas duas primeiras imagens desse post.

Uma outra seção do sítio arqueológico da ilha de Deles que merece destaque é a casa das Máscaras. Nesse local encontramos outra figura elaborada e detalhada de uma pantera.

Mosaico de Pantera, casa das Máscaras.

O sítio arqueológico de Delos é um dos locais mais estudados quando se trata da arte e cultura grega do período helenístico, sua relativa preservação faz dessa ilha um dos locais mais importantes da antiguidade grega.

Referências e Imagens:

https://en.wikipedia.org/wiki/Mosaic

Compre meu e-Book na Amazon:

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.