A Inconfidência Mineira e o Arcadismo

O Arcadismo foi um movimento artístico que surgiu em Portugal com a Arcádia Lusitânia, esse termo foi cunhado pela Academia de Belas Artes, em 1756. O Arcadismo foi uma reação ao Barroco, o movimento artístico anterior que tinha como características o exagero, o apelo à emoção, obras rebuscadas e ricas em detalhes. Como o Barroco foi uma reação da Igreja Católica à Reforma Protestante, ele é uma arte dedicada à contrarreforma.

Arcadismo em Portugal

Algumas pessoas consideravam o Barroco muito cafona, principalmente os acadêmicos membros da Academia de Belas Artes, que achavam de “mau gosto” as obras literárias barrocas. O Arcadismo foi na verdade um movimento literário. Os Árcades queriam utilizar a razão acima da emoção, e dado que nessa época havia o fenômeno do despotismo esclarecido e foi um período anterior à Revolução Francesa, as obras tinham características do mundo burguês, os autores em sua maioria eram burgueses, e tinha os ideais do Iluminismo. O patrono desse movimento foi o Marquês de Pombal.

Marquês de Pombal.

Na época que o Arcadismo chega ao Brasil ele vai pra Minas Gerais, pois era o século XVIII, e acontecia o ciclo do ouro, que havia trazido para região de Vila Rica muitas pessoas, inclusive artistas e escritores. O marco inicial do Arcadismo no Brasil foi a criação da Arcádia Ultramarina, em 1768, e a publicação do livro Obras Poéticas de Claudio Manuel da Costa. A família real portuguesa chega ao Brasil no ano de 1808, e outra escola é fundada, a Escola Setecentista.

Arcadismo e Neoclassicismo

O Arcadismo nasce graças ao Neoclassicismo europeu. O Neoclassicismo nasce em Roma, paralelo à descoberta das cidades de Herculano e Pompeia (que foram soterradas pelo Vulcão Vesúvio), que levou ao retorno as artes clássicas, por isso neoclassicismo. Esse movimento foi mais abrangente que o Arcadismo, ele se espalhou por toda a Europa e Estados Unidos graças ao historiador e crítico de obras Johann Joachim Winckelmann, que era um grande defensor das artes gregas, sua defesa acaba se tornando uma defesa política. Ele escreveu a obra As reflexões sobre a imitação de obras gregas na escultura e na pintura.

Johann Joachim Winckelmann.

Winckelmann sustenta que a arte grega, a arte perfeita segundo ele, só pode florescer num regime político de liberdade democrática, para ele a arte e a democracia estavam intimamente ligados. O autor também defendeu o abandono das fantasias do Rococó. Sua obra tem um impacto significativo na Europa. Por isso que o Neoclassicismo é um movimento artístico que nasceu se opondo ao estilo artístico Rococó, ao contrário do Arcadismo que se opõe à estética do Barroco, principalmente na literatura.

Pintura Rococó.

O Rococó é considerado uma forma “pejorativa” do Barroco, pois é muito mais extravagante e exagerado. Essa rejeição ao Rococó também tem raízes em regiões do reino germânico, que naquele momento haviam passado pela reforma protestante, e na Inglaterra anglicana, pois são religiões com estéticas mais austeras.

Contexto histórico e Arcadismo no Brasil

O Arcadismo chegou ao Brasil quase dez anos depois do movimento ter surgido em Portugal, numa ano(1768) bem próximo ao acontecimentos da Independência dos Estados Unidos. Esse movimento artístico ainda trás junto os ideais do Iluminismo, que servem de inspiração ao Arcadismo.

Pintura Arcadista.

Havia também os problema entre Marquês de Pombal e os jesuítas. A questão dos jesuítas na colônia envolvem o conflito entre os colonos que querem escravizar indígenas e os jesuítas que são contra essa escravização, pois já se utilizavam da própria mão de obra indígena nos aldeamentos. Esse conflito era tão forte que havia culminado no passado na Revolta de Beckman.

Também existia a questão da região dos Sete Povos das Missões e a Colônia de Sacramento. Em resumo, havia uma região de aldeamentos de jesuítas espanhóis em território considerado pertencente a Portugal, e havia uma colônia portuguesa num território que pertencia à Espanha.

Ruínas de Sete Povos das Missões.

A aparente solução para esse problema é trocar os dois de lugar. Porém as coisas não são tão simples, é uma região que tinha 40 mil pessoas e todos tinham suas “casas” no lugar que estavam e tinha mais outras questões, não dava pra apenas “trocar” os dois de lugar. E então eclodiu um conflito armado que ficou conhecido como Guerras Guaraníticas, o futuro Marquês de Pombal participou desse conflito.

Marquês de Pombal é conhecido por suas reformas pombalinas que colocaram mais pressão econômica no Brasil Colônia. Era a época do ciclo do ouro, os colonos estavam cansados da fiscalização intensa e das medidas cada vez mais restritivas instituídas pela Coroa Portuguesa em relação ao ouro. As minas de ouro estavam ficando esgotadas, não havia mais tanto ouro pra entregar pra Portugal.

Somando a insatisfação com Portugal e ao movimento Arcadista que chega ao Brasil, junto às notícias da Independência dos Estados Unidos. Acontece a Inconfidência Mineira.

A Inconfidência Mineira e o Arcadismo

A produção literária pode ser utilizada de forma política, trazendo novos ideais e pensamentos. Com o Arcadismo aconteceu isso, o estilo literário Árcade traz a característica de se utilizar dos moldes Iluministas. Então muitos autores do Arcadismo também participaram da Inconfidência Mineira.

Pintura de Tiradentes na Inconfidência Mineira.

Porém, apesar desses poetas terem engajado na causa separatista, existem obras arcadistas que homenageiam os feitos de Portugal, como a obra “O Uraguai”, do poeta Basílio da Gama. Foi uma obra dedicada ao irmão do Marquês de Pombal, que critica a atuação dos jesuítas e defende a política pombalina. Graças a essa obra Basílio da Gama é nomeado por Pombal como um oficial da Secretaria do Reino.

O próprio contexto histórico em que o Arcadismo se insere e suas características em relação ao Iluminismo, faz com que esse estilo literário seja utilizado nos materiais de contestação e propaganda. É essa conjuntura que liga o Arcadismo a Inconfidência Mineira.

Um comentário em “A Inconfidência Mineira e o Arcadismo

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.