Uma tarde de domingo na Ilha de La Grande Jatte, a pintura divisionista de Georges Seurat

Uma tarde de domingo na Ilha de La Grande Jatte é uma pintura de Georges Seurat. O artista se encaixa no movimento artístico do neo-impressionismo. Seurat e Paul Signac criaram técnicas de teoria de cores que ficaram conhecidas pelo nome de divisionismo e pontilhismo. O impressionismo era uma corrente artística que trabalhava com a luz, o neo-impressionismo se preocupava com as cores.

O artista foi rejeitado pelo Salão de Paris e foi aceito pela Sociedade de Artistas Independentes, que teve como um de seus fundadores Paul Signac. Foi após se juntar ao grupo que Seurat pintou Uma tarde de domingo na Ilha de La Grande Jatte.

Uma tarde de domingo na Ilha de La Grande Jatte, Georges Seurat.

Uma tarde de domingo na Ilha de La Grande Jatte tem características da pintura neo-impressionista. Seurat utilizou a técnica do divisionismo e pontilhismo para compor essa tela, que se tornou uma das mais conhecidas de sua carreira.

Compre meu e-Book na Amazon ou leia pelo Kindle Unlimited:

História da Arte: Da Idade Média, ao Renascimento e o Barroco

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.