Fréderic Bazille e Eugène Boudin, dois brilhantes artistas impressionistas

O impressionismo foi um movimento artístico que começou na Europa, tendo como centro ativo principalmente a cidade de Paris na França. Diversos artistas ficaram famosos dentro dessa corrente artística como Claude Monet, Édouard Manet, Edgar Degas, Marry Cassatt entre outros artistas. Existem pintores impressionistas que são menos conhecidos do que os principais pintores do impressionismo mas nem por isso são menos talentosos, vamos conhecer alguns desses artistas que possuem pinturas magníficas e um enorme talento artístico.

Frédéric Bazille, uma vida breve

Jean Frédéric Bazille nasceu no ano de 1840 em Montpellier na França. O artista faz parte do movimento artístico do impressionismo. Bazille é considerado um dos pintores mais importantes do impressionismo graças a sua particularidade ao retratar paisagens ao ar livre. O artista utilizava o naturalismo na sua pintura de paisagens impressionistas.

O artista começou a aprender artes no Museu Fabre que ficava em Montpellier, após alguns anos, Bazille mudou para Paris onde se matriculou no estúdio do famoso pintor Charles Gleyre, responsável por treinar diversos artistas impressionistas como Claude Monet e Auguste Renoir.

Frédéric Bazille expos suas pinturas na exposição do Salão de Paris de 1870, uma das que foram apresentadas ao Salão se chama Cena de Verão:

Cena de Verão, Frédéric Bazille.

O artista fazia parte do grupo de impressionistas que despontava em Paris, seus amigos eram Claude Monet, Alfred Sisley, e Édouard Manet. Fréderic Bazille também pintava natureza morta e cenas do cotidiano, uma das pinturas do artista com o tema de natureza morta mais retrato de uma pessoa se chama, Mulher com Peônias.

Mulher com Peônias, Frédéric Bazille.

Bazille se alistou para lutar na Guerra Franco-Prussiana no ano de 1870, e acaba morrendo por causa de um tiro recebido no campo de batalha, o artista tinha apenas 28 anos de idade quando morreu.

Eugène Boudin, Rei dos Céus

Eugène-Louis Boudin nasceu no ano de 1824 na França. Boudin é considerado um dos primeiros artistas a pintar ao ar livre, algo que era proibido pelos pintores acadêmicos, que tinham como regra a pintura em estúdio. O artista era especialista na pintura de paisagens marítimas.

Na infância, ele e sua família se mudaram para La Havre. O pai de Eugène era um marinheiro, devido a isso, o artista trabalho nos barcos à vapor como um menino aprendiz. Após um tempo, o pai do artista abriu uma papelaria, e Eugène começou a trabalhar nesse estabelecimento. Graças a essa loja, Eugène Boudin teve contato com diversos artistas da época.

Os pintores Jean-François Millet e Thomas Couture viram talento em Eugène Boudin e o incentivaram a pintar. Boudin se muda para Paris para estudar no estúdio do artista Eugène Isabey. Para pagar sua estadia na capital francesa, Boudin recebeu uma bolsa do conselho municipal de La Havre para custear seus estudos.

O artista pintava paisagens marinhas, uma de suas obras com esse tema se chama Costa de Portrieux:

Costa de Portrieux, Eugène Boudin.

A pintura acima é uma das paisagens marinhas confeccionadas por Eugène Boudin.

O artista fez exposições próprias para poder vender seus quadros e viver de sua arte, porém nessa época as pessoas ainda preferiam as pinturas acadêmicas, mais formais, o impressionismo ainda estava no começo. Boudin foi uma grande referência para Claude Monet.

Boudin se mudou para Trouville onde pintou diversas paisagens da praia do lugar, uma dessas pinturas retrata o momento que a Imperatriz francesa, Eugenie de Montijo, passeia por uma praia da região, essa obra se chama Imperatriz Eugenie na praia de Trouville.

Imperatriz Eugenie na praia de Trouville

O artista fez outras pinturas em Trouville, outra obra pintada por Boudin se chama Trouville.

Trouville, Eugène Boudin.

Boudin também havia se tornado um grande amigo de Gustave Coubert que o apresentou a Charles Baudelaire, um crítico de arte que havia se interessado muito pelas pinturas de Boudin.

Além de suas exposições próprias, Boudin também participou do Salão de Paris, e também apresentou suas obras na Primeira exposição de pintores impressionistas.

Após anos pintando e fazendo suas paisagens marinhas, Boudin começou a ser reconhecido, porém ele teve que deixar a França no ano de 1870, devido a Guerra Franco-Prussiana.

Mais tarde, após o fim dessa guerra, o artista retorna à França, e continua pintando as paisagens do lugar onde ele começou a sua carreira artística, La Havre:

La Havre, Eugène Boudin.

As pinturas de Boudin, principalmente as que foram feitas nos últimos anos de sua vida, tem características impressionistas marcantes, como o uso da luz natural, o reflexo na água, e a paleta de cores, que tornam a pintura mais realista.

No ano de 1898 Eugéne Boudin se mudou para Deauville onde morreu as setenta e quatro anos de idade.

Compre meu livro na Amazon:

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.