O retrato do pai de Paul Cézanne

O retrato do pai de Paul Cézanne é uma pintura do próprio Paul Cézanne que foi submetida ao Salão de Paris no ano de 1866, mas que acabou não sendo aceita pelo júri, essa obra foi exibida nesse mesmo ano no Salon des Refusés, o Salão dos Rejeitados. As pinturas do período entre 1861-1870 são chamadas de pinturas do período escuro de Cézanne, por causa do humor depressivo do artista.

Nas primeiras obras do artista, em que está incluso o retrato de seu pai, existe uma camada bem grossa de tinta a óleo, Cézanne usava a espátula em suas pinturas, por isso não temos aquelas pinceladas frenéticas e rápidas comuns dos artistas impressionistas. O retrato do pai de Paul Cézanne é uma obra que mostra o início de um movimento artístico novo, que tende ao expressionismo.

O retrato do pai de Paul Cézanne, por Paul Cézanne.

O retrato do pai de Paul Cézanne tem um tamanho razoável, medindo 198.5 cm (78.1 in); Width: 119.3 cm (46.9 in), e se encontra na Galeria Nacional de Arte em Washington DC. Foi através dessa pintura que Paul Cézanne conheceu Édouard Manet.

Compre meu e-Book na Amazon ou leia pelo Kindle Unlimited:

História da Arte: Da Idade Média, ao Renascimento e o Barroco

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.